Parada LGBT lota ruas de SP com show de Pabllo Vittar e discursos de Fernanda Lima e de viúva de Marielle

Parada LGBT lota ruas de SP com show de Pabllo Vittar e discursos de Fernanda Lima e de viúva de Marielle
Em sua 22ª edição, evento tem como tema ‘Poder para LGBTI+, Nosso Voto, Nossa Voz’.
Por G1

Público na 22ª Parada LGBT na Avenida Paulista (Foto: Bruno Rocha/ Fotoarena / Estadão Conteúdo) Público na 22ª Parada LGBT na Avenida Paulista (Foto: Bruno Rocha/ Fotoarena / Estadão Conteúdo)
Público na 22ª Parada LGBT na Avenida Paulista (Foto: Bruno Rocha/ Fotoarena / Estadão Conteúdo)
A 22ª edição da Parada do Orgulho LGBT lotava ruas e avenidas do Centro de São Paulo neste domingo (3). Com o tema “Poder para LGBTI+, Nosso Voto, Nossa Voz”, a festa era marcada por apresentações musicais, como a da cantora Pabllo Vittar, e discursos a favor do respeito pelas diferenças contra a violência.

FOTOS: veja galeria da Parada LGBT
VÍDEOS: SP recebe 22ª edição da Parada LGBT
O público começou a se concentrar em frente ao Masp durante a manhã. Por volta do meio-dia, durante a abertura oficial da parada, a arquiteta Mônica Benício, viúva da vereadora carioca Marielle Franco, emocionou o público ao discursar.

Avenida Paulista deve receber três milhões de pessoas na Parada Gay
“Isso aqui é um ato de resistência. O Brasil é um dos países que mais mata a sua população LGBT. E a gente não pode assumir isso, deixar que isso continue desta maneira”, disse Mônica. A esposa dela foi assassinada em abril no Rio e, até agora, o crime deixa mais dúvidas do que respostas.