TSE aposta que corte encerra caso Lula antes de inserir nomes nas urnas

 

Ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) afirmam à Folha de S. Paulo que a corte talvez não consiga concluir até o dia 30 de agosto a análise do registro do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Porém, os magistrados dizem ter certeza de que o caso estará resolvido até o dia 17 de setembro, para evitar que o nome do petista chegue às urnas.

O Tribunal tem até 20 dias antes do primeiro turno das eleições, que vai ocorrer em 7 de outubro, para fechar as urnas.

O último dia para registro dos candidatos na corte é na próxima quarta (15), quando a sigla oficializará o nome do ex-presidente do tribunal.

Share