Haddad deve manter Gabrielli na coordenação da campanha

Oficializado ontem (11) candidato do PT à Presidência, Fernando Haddad deve manter o ex-presidente da Petrobras, José Sergio Gabrielli, como coordenador da campanha, segundo a coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo.

Além do baiano, os ex-ministros Ricardo Berzoini, Luiz Dulci e Gilberto Carvalho, e o presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto, também devem permanecer no comando da campanha.

Gabrielli foi indicado para ser coordenador da campanha de Lula no início de julho.

Share