Sábado, 17 de Abril de 2021 01:28
75 98846-8150
Cidades Bahia recebe 606.950

Bahia recebe 606.950 doses das vacinas Coronavac e Astrazeneca

Bahia recebe 606.950 doses das vacinas Coronavac e Astrazeneca

01/04/2021 20h55
99
Por: Rodrigo Mario Fonte: tarde
Bahia recebe 606.950 doses das vacinas Coronavac e Astrazeneca

Bahia recebe 606.950 doses das vacinas Coronavac e Astrazeneca


A Bahia recebeu ontem o maior lote de vacinas contra a Covid-19 já enviado ao estado desde o começo da pandemia: foram 606.950 doses, das quais 45.750 doses do imunizante de Oxford/AstraZeneca produzidas pela Fiocruz e 561.200 doses da Coronavac, fabricadas pelo Instituto Butantan.
Imunizantes recebidos são, em sua maioria, remessas de segundas doses
Foto: Divulgação

No início da tarde de ontem, foi iniciada a distribuição de 495 mil doses. A coordenadora estadual de imunização, Vânia Broucke, afirmou que só estão habilitados a receber uma nova remessa para aplicação da primeira dose os municípios que já utilizaram 85% das doses anteriormente distribuídas. A maioria das novas doses será usada para segunda aplicação. “Iremos liberar para os municípios duas remessas de segundas doses, referentes ao dia 10 de março. A remessa do dia 17 de março ficará retida ainda nas centrais regionais de Rede de Frio para que, na próxima semana, possa ser entregue também nos municípios”, declarou.

Segundo o sistema de acompanhamento da cobertura vacinal da Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), já receberam a primeira dose 1,66 milhão de pessoas, o que corresponde a 11% da população baiana. A Bahia é o primeiro estado com o maior percentual de população já imunizada contra a Covid-19.

O transporte das novas doses para os municípios foi realizado por aeronaves do Grupamento Aéreo (Graer) da Polícia Militar e da Casa Militar do Governador. Cinco aviões e três helicópteros foram empregados em 41 trechos.

“A missão é sempre levar, no mesmo dia da chegada, o maior número de vacinas para cidades da Região Metropolitana de Salvador e do interior. Ficamos felizes em garantir uma rápida imunização”, afirmou o comandante do Graer, tenente-coronel Wolney Anderson Santos de Almeida.

O Ministério da Saúde informou que foram distribuídas 9,1 milhões de doses para os estados – 8,4 milhões da CoronaVac e 728 mil da Oxford/AstraZeneca. Conforme balanço da pasta, já foram enviadas aos estados, contando com o novo lote, mais de 43 milhões de doses e mais de 18,5 milhões de doses já foram aplicadas.

Salvador – A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informou que a vacinação contra a Covid-19 será suspensa hoje na capital. Segundo a pasta, a imunização será retomada já amanhã, mas apenas com a aplicação da primeira dose em idosos e da segunda dose em trabalhadores de saúde e também idosos. Não haverá no final de semana aplicação para outras categorias. Um novo cronograma de vacinação ainda será divulgado, completou a secretaria.

Na última quarta-feira (31), foi iniciada a vacinação de policiais militares a partir dos 50 anos que estão em atividade em Salvador. A aplicação foi realizada nos postos da Universidade Católica do Salvador – Campus Pituaçu e no Clube dos Oficiais da Polícia Militar.

Já ontem, foram imunizados policiais federais, policiais rodoviários federais, policiais civis, bombeiros, guardas municipais e agentes da Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador), também com idade a partir dos 50 anos.

Idosos com pelo menos 64 anos também foram vacinados ontem, quando também voltou a ocorrer a aplicação da primeira dose para trabalhadores da saúde e profissionais autônomos (médicos, fisioterapeutas, dentistas, enfermeiros, farmacêuticos, auxiliar e técnico de enfermagem, auxiliar e técnico de saúde bucal).

Mais doses

A Fiocruz informou que entregará hoje ao Programa Nacional de Imunização (PNI) mais 1,3 milhão de doses da vacina de Oxford/AstraZeneca. Em março, a fundação entregou, no total, 2,8 milhões Na divulgação o primeiro cronograma, há três meses, a Fiocruz planejava a entrega de 15 milhões de doses em março.

O diretor do Instituto de Biotecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos), Maurício Zuma, afirmou que o atraso pode ser explicado, em parte, pelo mau funcionamento de uma máquina recravadora, parada por uma semana depois de apresentar falhas.

De acordo com o diretor, a máquina “performou mal” ao selar o último dos três lotes de validação da vacina, destinados aos testes de controle de qualidade da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Para resolver o problema, Zuma disse que o instituto, vinculado à Fiocruz, precisou comprar peças na Itália, país de origem do fabricante da máquina. Depois do conserto, um técnico da empresa italiana e um especialista em controle de qualidade da Fiocruz passaram a acompanhar o desempenho da recravadora 24 horas por dia, para assegurar que o processo voltou ao ritmo esperado.
[19:08, 01/04/2021] Divo Araújo:

Últimas Notícias

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Valença - BA
Atualizado às 01h14 - Fonte: Climatempo
22°
Poucas nuvens

Mín. 22° Máx. 31°

22° Sensação
1 km/h Vento
96% Umidade do ar
90% (5mm) Chance de chuva
Amanhã (18/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 25° Máx. 31°

Sol e Chuva
Segunda (19/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 31°

Sol e Chuva