FABRICA BYD
TA VENDO TA GOSTANDO
agricultura familiar
Fevereiro laranja
COP28: alimentação e

COP28: alimentação entra na pauta com declaração de mais de cem nações, inclusive o Brasil

COP28: alimentação entra na pauta com declaração de mais de cem nações, inclusive o Brasil

02/12/2023 17h05
Por: Rodrigo Mario
Fonte: bahia ba
72
 

COP28: alimentação entra na pauta com declaração de mais de cem nações, inclusive o Brasil

O documento aponta ainda que os possíveis progressos coletivos já serão revisados na próxima conferência climática, em 2024

Redação
Foto: Agência Brasil

 

Mais de uma centena de países assinaram, na COP28, em Dubai, a conferência da ONU sobre mudanças climáticas, uma declaração em que se comprometem a incorporar, até 2025, em sua meta climática, a chamada NDC, sigla para contribuição nacionalmente determinada, a questão da agricultura e da resiliência de sistemas alimentares.

O documento aponta ainda que os possíveis progressos coletivos já serão revisados na próxima conferência climática, em 2024. O Brasil está entre os 134 signatários do documento que visa incluir a questão da resiliência dos sistemas alimentares na discussão da crise climática, divulgado nesta sexta-feira (1º).

“Destacamos que qualquer caminho para alcançar plenamente os objetivos de longo prazo do Acordo de Paris deve incluir a agricultura e os sistemas alimentares”, aponta o documento.

Além da inclusão na meta climática, agricultura e sistemas alimentares também devem ser colocados nos planos de adaptação, estratégias de longo prazo, estratégias nacionais de biodiversidade, planos de ação e em outras estratégias relacionadas.

As ações precisam ser tomadas antes da COP30, em 2025, agendada para ocorrer em Belém, no Brasil. A declaração fala em orientação de políticas e apoios públicos voltados para agricultura e alimentação para redução de emissões, aumento de rendimentos, eficiência hídrica, com atenção também para redução de desperdício de alimentos e degradação de ecossistemas.

 
 
 
 
 
 
00:00/00:51
 
 
 
 
 

Também são citados no documento a necessidade de continuar a escalar diferentes formas de financiamento e de acelerar “inovações baseadas em evidências, incluindo conhecimento local e indígena,”, para aumentar a produtividade sustentável e promover resiliência do ecossistema, além de melhorar as condições de vida de produtores.

Renata Potenza, coordenadora de projetos da iniciativa clima e cadeias agropecuárias no Imaflora, vê com bons olhos o prazo apontado no documento, ou seja, 2025, ano em que os países devem apresentar novas metas climáticas

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
São Paulo, SP
Atualizado às 10h16
25°
Parcialmente nublado Máxima: 27° - Mínima: 21°
26°

Sensação

2.57 km/h

Vento

85%

Umidade

Radio Clube Am
cairu
MixDelivery
Radio Clube Am
Municípios
Radio Clube Am
Salão
Últimas notícias
Conect
Mais lidas
MixDelivery
MixDelivery