BAHIA SEM FOME
BAHIA DE MAOS DADAS
Fevereiro laranja
A GENTE NA ESCOLA PRESENTE
LARANJA
POLICIA

As câmeras corporais chegaram. É a Bahia pela paz

As câmeras corporais chegaram. É a Bahia pela paz

08/05/2024 12h26
Por: Rodrigo Mario

Câmeras corporais
As câmeras corporais chegaram. É a Bahia pela paz

André Curvello, secretário de Comunicação da Bahia

A segurança pública na Bahia trabalha dia contra a violência e as facções. Agora, inicia a implantação das Câmeras Corporais Operacionais (CCOs). Os equipamentos elevarão a qualidade e a segurança do trabalho dos agentes, protegendo tanto os policiais quanto a população.
As CCOs são um compromisso de campanha do governador Jerônimo Rodrigues e se inserem no amplo programa Bahia Pela Paz, uma iniciativa do Governo do Estado em parceria com o Tribunal de Justiça, Ministério Público, Defensoria Pública, Assembleia Legislativa e ampla participação da sociedade civil organizada.
A Bahia é o primeiro estado a implantar o uso de CCOs simultaneamente na Polícia Militar, Polícia Civil, Departamento de Polícia Técnica e Corpo de Bombeiros Militar. Na primeira fase, 448 câmeras serão instaladas em Companhias Independentes da PM nos bairros de Pirajá, Tancredo Neves e Liberdade, em Salvador, locais escolhidos com base no número de ocorrências.
As câmeras se tornam um Equipamento de Proteção Individual (EPI) para os policiais, registrando de forma transparente e inviolável suas ações. Essa medida contribui para a proteção legal e da integridade física dos agentes e da população, além de fortalecer as investigações criminais e qualificar o lastro probatório.
Elas também proporcionam transparência e qualidade na atuação dos agentes, permitindo a revisão das ações, a identificação de pontos de melhoria e o aprimoramento de procedimentos. As imagens ainda servirão como ferramenta de treinamento para novos agentes, garantindo profissionais mais preparados para lidar com diferentes situações.
Estão previstos dois tipos de gravação: vídeo de rotina (registro audiovisual contínuo e ininterrupto, sem captação de áudio) e vídeo intencional (registro audiovisual acionado manualmente, com melhor qualidade de vídeo e captação de áudio).
O acesso aos registros será autorizado por ordem judicial ou por requisição fundamentada à Secretaria de Segurança Pública.
As câmeras corporais integram um pacote de investimentos em infraestrutura, tecnologia, inteligência e efetivo que visam modernizar a segurança pública na Bahia. O Programa de Modernização das Estruturas Policiais e de Bombeiros investiu R$ 650 milhões em construções e reformas de 500 unidades, além da entrega de 1.300 viaturas.
Na área de tecnologia, mais de 1.500 foragidos foram localizados com o Sistema de Reconhecimento Facial e mais de 400 veículos roubados foram recuperados com o Sistema de Reconhecimento de Placas. O Governo do Estado também ampliou os efetivos, contratando mais de 3.200 policiais e bombeiros.
Com as câmeras corporais, a Bahia dá um passo importante para fortalecer a segurança pública, promover a transparência e proteger seus cidadãos.

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Radio Clube Am
Radio Clube Am
Mobilapp
Conect
MixDelivery
Municípios
Radio Clube Am
MedLab
Salão
Últimas notícias
Anúncio
Mais lidas
MixDelivery
MixDelivery